Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Sacrificio...

Sábado, 23.06.12

Gosto imenso de histórias e as que gosto mais são as histórias das pessoas mais idosas, são fenomenais.

Fiquei maravilhada com a história de uma mulher que teve que abdicar da familia por amor.

Tinha apenas 20 anos quando decidiu fugir com o homem da sua vida e sabia que nunca mais veria a familia. E só ao fim de 30 anos, quando os pais adoeceram é que voltou a conviver com eles.

Em conversa sobre este assunto disse-me muito emocionada, que era muito feliz, que tudo valeu a pena,  que sabia que os pais nunca a perdoaram por ter escolhido o amor, mas hoje, e depois da morte de ambos, diz que valeu a pena.

Hoje isto não existe, este amor desmesurado, aflito, sofrego. As pessoas não são determinadas, têm medo, antigamente tudo tinha importância, porque havia pouco de tudo.

Que farias por amor? O que abdicavas por amor?

Hoje em dia é dificil escolher, até porque o amor é descartável, tem validade, ao ouvir esta história de amor, fiquei a pensar no sofrimento desta mulher, terá sido dificil construir uma familia sem as pessoas mais importantes da sua vida, sem a aprovação e o amor dos pais.

 

Mas acima de tudo tinha uma pergunta que necessitava de resposta: - "Diga-me depois destes anos todos, o seu marido entende o sacrificio que você fez por amor?" E ela sem qualquer tipo de hesitação disse-me: - "Sim, todos os dias de uma forma ou de outra ele demonstra-me que valeu a pena eu ter deixado tudo por ele"

 

 

"O amor sem sacrifício é uma ilusão, e o sacrifício sem amor é uma impossibilidade."
(Henri Bordeaux)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 21:25


1 comentário

De diariodeumsonhador a 23.06.2012 às 22:54

Na minha opinião, ainda há amores como antigamente, o que penso que mudou foi a percentagem, agora existe muito menos casos iguais ao que aqui foi relatado.
As pessoas e a sociedade tamb+em mudaram, hoje em dia o amor ´não é visto como no tempo dos meus Avós ou dos meus Pais.
A minha Avó por exemplo deixou tudo por amor, teve 5 filhos do meu Avô, também arriscou tudo e depois.....depois aparceu morto, sim apareceu morto, pois ele era de Familias nobres e a minha Avó apenas uma camponesa, naquela altura ele exercia uma profissão que não podia casar com algem que não fosse do seu extrato social, porquê, não sei.
O que sei é que ela tambem arriscou tudo, e ela sempre disse que inha valido a pena, o que é certo é que ficou com 5 filhos e sem nada para dar de comer.
Cada caso é um caso, o amor anda por ai, cada um de nós é que tem de perceber a intensidade desse amor e se valer a pena arriscar, mas arricar de corpo e alma e sem pensar que se não der, paciência separamo-nos.
Como sempre adoro as tuas histórias.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


CONSULTAS DE TAROT

O Tarot é apenas uma ferramenta que nos ajuda nas diversas áreas da nossa vida. Poderá fazer uma pergunta grátis enviando o seu primeiro e ultimo nome e a data de nascimento através do mail mafavisi@sapo.pt



links

Outros Caminhos

Previsões Tarot



comentários recentes




subscrever feeds