Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Sapos Azuis...

Quinta-feira, 06.12.12

É impressionante como nas épocas mais significantes, tal como o natal, as pessoas se transformam, tornam-se mais compreensivas, tolerantes, cheias de amor. Fico contente por quererem ser melhores pessoas, mas assim que passa o natal volta tudo ao mesmo, entendo que cada um tenha a sua vida e este ano não foi fácil e o ano que vem também não será melhor, contudo fico sempre surpreendida quando a época natalícia passa e com ela passa também a boa vontade dessas mesmas pessoas. 

Não entendo as famílias que fingem que têm uma vida feliz, o casamento está uma porcaria, mas fazem questão de mostrar que estão bem. Não entendo como conseguem fingir perante o resto da família que nada se passa, e ainda mais brutal é conseguirem fingir perante eles próprios que é apenas uma crise, que passa. Depois das festas voltam novamente para casa e o ambiente é de cortar á faca. Não entendo. 

Eu adoro o natal por tudo o que ele representa mas, acima de tudo, pelo facto de poder estar com quem mais amo, embora não possa estar com alguns devido ás circunstâncias da vida, estou de corpo e alma, verdadeiramente inteira perante "os meus amores". Não faço fretes, não finjo, quem quer estar é bemvindo quem não quer, não me faz falta. Não vou estar com quem não me quer, não vou estar com quem não me faz feliz, já lá vai o tempo que tinha de engolir sapos azuis ás bolinhas amarelas do tamanho de elefantes, há uns anos para cá que isso deixou de acontecer porque eu assim escolhi.

Mais vale sozinha e feliz que cheia de gente e azeda. Neste natal quero beijar quem me ama, porque eu quero e ele também.

"O Natal começou no coração de Deus. Só está completo quando alcançar o coração do homem."- Autor desconhecido

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 22:06

De Dentro para Fora...

Terça-feira, 17.04.12

Todos queremos ser felizes.

Cada um de nós tem um conceito diferente sobre o que é ser feliz, uns é pelo dinheiro, outros é pelo trabalho fazendo o que mais gostam e a maioria é encontrar um amor que os compreenda e os aceite tal e qual como são.

Com o passar dos anos os conceitos sobre as questões da vida como a felicidade, mudam, amadurecemos interiormente, conhecemos o mundo e as pessoas que nos rodeiam e mudamos os sonhos.

Quando casei pensei que seria para sempre, ninguém casa para se divorciar, mas durante os anos que estive casada percebi que não crescia da mesma forma que o meu marido, tíinhamos ideias, conceitos, sonhos tão distantes que comecei a mudar. Os homens são diferentes das mulheres, aguentam a diferença nem se preocupam com o que dizemos ou pensamos, a vida dele mantinha-se inalterada. Comecei a procurar respostas para as perguntas que vinham de dentro, e quando comecamos á procura é porque o que temos já não faz sentido. Sabia o que me fazia feliz,  fui tirar um curso de terapias alternativas, comecei a escrever, comecei a conhecer novas pessoas, novos mundos e sentia-me tão bem que tentei falar com o meu marido sobre isto, mas não adiantava pois ele fazia pouco desta minha descoberta tanto interior como exterior. Acabamos por nos divorciar, pois não conseguia dividir-me, por dentro feliz e por fora a minha vida não andava para a frente.

Aprendi que a felicidade existe de dentro para fora, não a podemos encontrar noutra pessoa ou no trabalho, ela existe dentro de nós, como é óbvio existiram outros problemas no meu relacionamento que com os anos nos desgastaram e nos distanciaram, mas foi devido a isso que dentro de mim surgiu a procura, a semente, e nessa altura começou a "saltar" cá para fora.

Sou muito mais feliz, mais centrada em mim, os meus filhos beneficiaram com esta minha alegria, comecei a ser a pessoa que queria ser.

 

"Para ser feliz é preciso correr riscos, seguir certos caminhos e abandonar outros."

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 12:26

A Chave

Quinta-feira, 06.10.11

mafavisi

 

 

Todos gostariamos de ter a chave da felicidade, de saber como a encontrar, e procuramos por todo o lado, pensamos que esteja escondida em alguém que conhecemos, que esse alguém nos vai compreender e amar a tal ponto que preencherá o vazio da nossa vida. Outros pensam que se trabalharem muito e o dinheiro sobejar provavelmente terão o poder de comprar essa chave e a felicidade acontece. Mas no fundo a verdadeira chave da tal fechadura floreada, que todos procuramos, está dentro de nós, o segredo está em nós. Procura em ti a emoção de te conhecer, a alegria da tua companhia, a paixão de te amar e o universo com toda a sua Energia irá fornecer-te a abundância.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 18:54





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Janeiro 2017

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031


CONSULTAS DE TAROT

O Tarot é apenas uma ferramenta que nos ajuda nas diversas áreas da nossa vida. Poderá fazer uma pergunta grátis enviando o seu primeiro e ultimo nome e a data de nascimento através do mail mafavisi@sapo.pt



links

Outros Caminhos

Previsões Tarot



comentários recentes


Posts mais comentados