Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


O Tempo...

Terça-feira, 04.06.13

Com o tempo, que só contabilizamos quando acontecem situações que temos que fazer contas, deixei de ter vontade de escrever com alguma assiduidade. Poderia encontrar imensas razões por não o ter feito, por causa do trabalho, dos filhos, da vida, mas não, sei que não foi devido a estas razões embora tivessem peso. Também não foi devido à falta de inspiração, que por vezes aparece e muito menos por falta de assunto. Existem alturas que nos entristecem de tal maneira que não conseguimos transpor para o papel uma única palavra.

Dei-me conta, ontem enquanto conduzia, que estava assim, triste, há seis meses. Tive que contabilizar. Deixei-me ir, sem perceber. 

Os sentimentos não desaparecem de um dia para o outro, e quando menos esperamos, desligamo-nos de algumas coisas que hoje não me parecem muito importantes. Deixei-me ir e fechei-me. Não gostei desta sensação de me fechar. Fechei-me para sofrer por dentro, e consegui que ninguém se apercebesse. No fundo só refletimos o que queremos. Os outros só sabem o que nós queremos que se saiba. 

Acabou. Quando o amor acaba sem razão plausível, ficamos à espera de encontrar, no caminho, os motivos verdadeiros do fim e, muitas vezes, não existem razões, apenas acaba. Ficamos a pensar se nos enganámos, se nos enganaram, se procedemos bem ou não, e não vale a pena. Certo é, que as pessoas fogem, seja por medo, por falta de ambição ou mesmo por cobardia, mas ninguém foge por falta de amor. 

Hoje acabou.

"O tempo é o melhor autor; sempre encontra um final perfeito."Charles Chaplin


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 13:07

O Coração Não Envelhece...

Sexta-feira, 12.04.13

 

Envelhecer não é um processo agradável. Ninguém está preparado.

Conheci algumas pessoas que lidaram e lidam mal com esta situação, eu provavelmente irei passar um mau bocado quando a minha aparência deixar de ser a mesma. 

Uma senhora idosa, há uns anos atrás, meteu conversa comigo num café comentando os meus saltos altos:

- Eu também já usei sapatos tão altos como os seus quando era nova! E era bonita!

No meio daquela conversa percebi que estava profundamente triste, disse-me: "Aproveite, passa tudo num instante". Mostrou-me uma foto quando tinha 20 anos, era linda. Estava nos seus 65 anos e parecia ter pelo menos mais 10.

Há pouco tempo, conheci uma senhora com a fabulosa idade de 82 anos, com uns olhos de menina e um sorriso maroto, alegre, poucas rugas. Fora rica, depois do 25 de Abril perdeu tudo, hoje é sustentada pela filha. Não tem netos e adoptou 3 cães, 2 gatos e 5 porquinhos da india. Casou com o amor da vida dela, separou-se do marido infiel, divorciou-se anos mais tarde, teve para casar duas vezes mas até esses tinham amantes, os amigos foram morrendo, sobram dois, um deles está num lar tem 90 anos, visita-a quase todos os dias e o outro não sabe onde se encontra. Dorme pouco, talvez 3 ou 4 horas, toma medicamentos para tudo, anda muito devagar, foi mimada a vida toda porque não teve irmãos mas, e é aqui que esta mulher me surpreende, sorri com tudo e para tudo.

- O coração não envelhece, não queira ficar sozinha, envelhecer sozinha custa muito!

 

"Uma pessoa pode ter tanto medo de envelhecer, que não consegue viver o agora.” Carl Jung


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 23:05

Hoje é o nosso dia...

Quarta-feira, 13.02.13

 

As flores!!! Oferecem-se flores e presentes no dia dos namorados para festejar o Amor. Oferecem-se flores ás namoradas, um jantar à luz das velas e pronto está feito o dia!

Não me recordo, sinceramente, de me oferecerem flores no dia dos namorados, de festejar seja lá o que fôr, no dia dos namorados, recordo-me sim dos outros dias sem ser dia dos namorados, de receber flores sem ser por obrigação, sem estar à espera. Alguém entrar pela porta de minha casa com uma flôr, uma única flôr e eu ficar radiante e surpreendentemente feliz.

É bom festejar quando não é obrigatório festejar.

Hoje um amigo disse-me:

- Hoje vou oferecer uma prenda à minha mulher.

- Hoje? mas amanhã é que é o dia dos namorados!!

- Mas hoje é o nosso dia e amanhã é o dia dos outros!!!

É bom quando recebemos e não estamos á espera.

 

"O amor é a única flor que brota e cresce sem a ajuda das estações." Kalil Gibran

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 16:13

Prisioneiro...

Quarta-feira, 30.01.13

artpics/ facebook

                                                                                                        (foto Artpics/facebook)

Estamos a naufragar!! Estamos a afogarmo-nos em seco!!

Continuo a acreditar que o sentimento mais precioso que existe é o Amor e este está a escacear. O amor está a secar!

Quando deixamos de amar alguém, depois de alguns anos de partilha, e a escolha de ficar por outras razões é imposta, fingimos que tudo se pode "concertar" obrigando-nos a criar, como se fosse possível, amor a vulso, bombear um sentimento que já não existe que não se sente. Aproveitar cada gota, cada migalha, cada beijo, cada toque, cada sensação para alimentar uma mentira.

A amor tornou-se um "aproveitar" do que se pode arranjar. O amor tornou-se "um esforço" para dar certo, de um "vamos tentar" porque é o melhor para os outros, para os anos que passámos, para os filhos que temos, para tudo menos para ser feliz. 

Abdicasse de tudo pelo nada. Aproveitasse o que se tem dentro da prisão em que se vive.

Zangamo-nos com a vida, resignamo-nos e azedamos no percurso, culpando os outros até ao dia que nos arrependemos porque mais tarde ninguém nos vai agradecer pelo sacrifício, ninguém nos vai dizer "obrigada por teres abdicado da tua felicidade por mim".

O amor está a secar!


"Somos todos prisioneiros, mas alguns de nós estão em celas com janelas, e outros sem." Gibran Khalil Gibran


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 20:41

Mais um Capitulo...

Domingo, 06.01.13

E mais um ano começa!! Mais um livro se escreve, devagar, capitulo a capitulo.

Em conversa com amigos percebi que a maior parte deles nem liga muito ao fim do ano, como eu, dão mais importância aos aniversários, a nossa vida conta a partir do dia em que nascemos. 

Escrevemos a cada segundo, a cada hora, a cada dia, a cada atitude, bem ou mal tudo se irá resumir no final e esse final muitas vezes corre menos bem, mas como nada acontece por acaso, a vida dá-nos sempre alegrias e situações para comemorar.

O meu início do ano foi extraordinário e vai continuar a ser durante todo o ano, acreditar na vida, nas pessoas, no amor, é uma sensação que há muito tempo não sentia e estou a saborear minuto a minuto.

Mais um livro para escrever sobre o amor, vale a pena passar por dificuldades, contratempos, desencontros, para no fim perceber que tudo não passa de pequenos nadas, comparado com a sensação de alguém gostar de ti como és, com todos os defeitos e todas as virtudes. 

Tudo vale a pena quando se ama e se é amado e isso ninguém nos pode tirar.

 

"A vida é maravilhosa se não se tem medo dela."

Charles Chaplin

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 12:28

O que desejas para 2013?

Terça-feira, 11.12.12

 

Depois de um ano complicado, um novo chega e pelo vistos ainda mais complicado e a maioria de nós ainda nem tem noção das dificuldades que virão.

Nesta altura do ano fazemos uma avaliação da vida, dos acontecimentos, das dificuldades que passámos e traçamos metas, objectivos e sonhos para o próximo ano. 

Este ano não foi mau de todo, com algumas dificuldades, contratempos mas, sempre conseguindo superar, degrau a degrau, lentamente mas sempre para melhor. Conheci pessoas que valeram a pena, outras que nem por isso, reencontrei amigos de longos anos, evitei outros tantos mas tudo serviu para o meu crescimento enquanto pessoa, mulher e mãe.

O que desejo para 2013?

Como mãe desejo o melhor de tudo para os meus filhos, como trabalhadora desejo um emprego melhor a todos os níveis, como mulher desejo que o homem da minha vida me faça feliz e que me ame para sempre.

 E tu que desejas para 2013?

"Alegrias para um Ano Novo é outra chance para nós acertarmos."- Oprah Winfrey

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 22:06

50 Sombras...

Terça-feira, 11.12.12

 

O sexo sempre foi um tema de interesse, homens e mulheres gostam de sexo, uns mais que outros, quer queiram quer não, o sexo é um assunto importante no relacionamento afectivo. Os homens queixam-se das "dores de cabeça" que as mulheres apresentam como desculpa para não terem sexo com eles, já não acredito nessas conversas, até porque conheço muitas histórias em que são eles que não são muito competentes nesta matéria. Hoje em dia as mulheres são muito mais exigentes, sabem o que querem e por vezes eles falam muito mas na prática deixam muito a desejar. 

Li as 50 Sombras de Grey (I volume), gostei imenso, mais pelo tema, que pouco ou nada sabia. A escritora, E.L. James, aborda o assunto com leveza e com uma escrita acessível a todos. Não me espanta que as mulheres falem dele e possivelmente sejam elas as "culpadas" pelo sucesso de vendas. Pena é que os livros sejam tão caros, sou uma leitora, por vezes compulsiva de livros mas o orçamento é pouco.

Fazer amor com alguém que amamos é libertador, e o somatório de toda a cumplicidade, carinho, partilha e compreensão existente num casal, concordo que por vezes o dia a dia nos distancie do outro, não é fácil gerir emoções e sentimentos contraditórios existentes num dia inteiro cheio de preocupações, para nos entregarmos a uma noite de paixão. Os homens são diferentes, com ou sem procupações, têm a capacidade de separar uma coisa da outra, e no fundo concordo com eles, deveríamos ser mais egoístas no sexo, até porque, desculpem-me as mulheres, não existe melhor comprimido para as dores de cabeça do que uma noite a fazer amor. Embora nem sempre temos vontade para ter sexo, nem mesmo os homens, somos todos iguais.

"O sexo é a coisa mais divertida que se pode fazer sem rir." (Woody Allen)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 13:13

Sapos Azuis...

Quinta-feira, 06.12.12

É impressionante como nas épocas mais significantes, tal como o natal, as pessoas se transformam, tornam-se mais compreensivas, tolerantes, cheias de amor. Fico contente por quererem ser melhores pessoas, mas assim que passa o natal volta tudo ao mesmo, entendo que cada um tenha a sua vida e este ano não foi fácil e o ano que vem também não será melhor, contudo fico sempre surpreendida quando a época natalícia passa e com ela passa também a boa vontade dessas mesmas pessoas. 

Não entendo as famílias que fingem que têm uma vida feliz, o casamento está uma porcaria, mas fazem questão de mostrar que estão bem. Não entendo como conseguem fingir perante o resto da família que nada se passa, e ainda mais brutal é conseguirem fingir perante eles próprios que é apenas uma crise, que passa. Depois das festas voltam novamente para casa e o ambiente é de cortar á faca. Não entendo. 

Eu adoro o natal por tudo o que ele representa mas, acima de tudo, pelo facto de poder estar com quem mais amo, embora não possa estar com alguns devido ás circunstâncias da vida, estou de corpo e alma, verdadeiramente inteira perante "os meus amores". Não faço fretes, não finjo, quem quer estar é bemvindo quem não quer, não me faz falta. Não vou estar com quem não me quer, não vou estar com quem não me faz feliz, já lá vai o tempo que tinha de engolir sapos azuis ás bolinhas amarelas do tamanho de elefantes, há uns anos para cá que isso deixou de acontecer porque eu assim escolhi.

Mais vale sozinha e feliz que cheia de gente e azeda. Neste natal quero beijar quem me ama, porque eu quero e ele também.

"O Natal começou no coração de Deus. Só está completo quando alcançar o coração do homem."- Autor desconhecido

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 22:06

Reescrever...

Segunda-feira, 26.11.12

 

- Vamos escrever o nosso livro - disseram-me um dia.

Assim que nascemos começamos a "escrever" a nossa história. O começo é feito pelos outros, "escrevem em nós", moldam-nos conforme querem,  ensinam-nos conforme vivem, até ao dia em que decidimos mudar, responsabilizarmo-nos pelos nossos próprios pensamentos e actos, uns mais cedo e outros mais tarde. Devido á falta de experiência e conhecimento de nós próprios, os erros sucedem-se e aprendemos que somos tão complexos como o próprio mundo, mas acima de tudo todas as decisões tomadas são emocionais, tudo é emoção por mais racionais que tentemos ser com questões práticas. E só ao fim de alguns anos, devido ao sofrimento, crescemos na direcção certa com objectivos definidos.

- Vamos escrever o nosso livro - disseram-me um dia.

Viver a dois é dificil, duas pessoas com educações diferentes, experiências diferentes, juntam-se para escrever capitulos de uma vida em comum, sem qualquer ligação até então, certos que o amor é ponto de partida, certos que é para a vida.

Se pensarmos bem, escrevemos muitos livros durante a nossa existência, muitas histórias são mantidas em segredo, muitas histórias nem nos lembramos, temos que nos esquecer para nos lembrar, o cerebro não assimila tudo, e para mim, depois de alguns volumes já escritos e arquivados, o mais dificil é escrever novamente a "quatro mãos" ansiando sempre que esta nova história tenha um final feliz ou pelo menos que os seus "intervenientes" não sejam obrigados cedo demais a abandonar a história.

 

O insucesso é apenas uma oportunidade para recomeçar de novo com mais inteligência.

Henry Ford

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 11:03

Impulse...

Sábado, 24.11.12

 

Se te oferecerem flores, isso é impulse! Todos se lembram deste anúncio. Ficou na história da televisão.

Todas as mulheres acham romântico quando um homem oferece flores, é indicativo de amor, de paixão, o trabalho de ir comprar uma flôr para nos oferecer agrada-nos. Adoro flores e é bom recebe-las.

Mas as flores também se compram para pedir desculpa, ou no limite, para não perder quem amamos, os homens lembram-se de oferece-las quando não querem perder a sua amada. Nunca consegui perceber esta atitude, será que julgam que as mulheres são assim tão tolinhas que basta uma florzinha para mudarem de ideias? Os atestados de estupidez que passam ás mulheres tiram-me do sério, enfim!!

Também existe o outro lado, aquele lado das mulheres que não valorizam as atitudes dos homens, conheço alguns que se esforçam para agradar. O Jaime é um desses casos chega a casa e começa a fazer o jantar pois a mulher saí do trabalho uma hora depois dele. Dá banho aos filhos e o jantar está feito quando a sua esposa chega, cansada. Ao pôr a mesa tem por hábito colocar um copo com uma flôr apanhada em qualquer jardim para adornar a mesa e chamar a atenção da sua amada, ela nem repara. Ele deixou de o fazer e ela continuou sem reparar. Depois existem os casos deploráveis: Paulo quase por obrigação, entrou numa florista para comprar um ramo de flores para a mulher, sem paciência, escolheu as primeiras que encontrou, quando as ofereceu, a mulher furiosa atirou-as para o lixo, eram de plástico.

Cada uma com a sua cruz!!

"Sem atitude o difícil tende a tornar-se mesmo o impossível."

Rosicleide David


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por caminhosdaalma às 11:39





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


CONSULTAS DE TAROT

O Tarot é apenas uma ferramenta que nos ajuda nas diversas áreas da nossa vida. Poderá fazer uma pergunta grátis enviando o seu primeiro e ultimo nome e a data de nascimento através do mail mafavisi@sapo.pt



links

Outros Caminhos

Previsões Tarot



comentários recentes




subscrever feeds